Como Construir Decisões Financeiras para a Vida

Você é guiado por dinheiro ou é o condutor da sua vida? O primeiro ponto aqui é entender a diferença entre tomar decisões e construir decisões, como nosso processo decisório envolve emoção e razão. O segundo ponto é coragem e humildade para ter clareza.

Breve Resumo da Engrenagem da Tomada de Decisão

Vamos entender a engrenagem. Para contextualizar vou resumir alguns termos científicos que você já pode até conhecer ou ter ouvido falar. Somos formados por dois sistemas: a Emoção e a Razão, conhecidos também como sistema 1 e 2 respectivamente.

Sistema 1 é o protagonista, também engloba instinto e sobrevivência. Está sempre alerta e nos ajuda em situações de reflexo que exigem rapidez e outras repetitivas que usa associações para agilizar. Ex: Se sempre faço assim ele não “pensa”, já faz.

Sistema 2 é o coadjuvante, responsável pelo raciocínio, consome mais energia e só é acionado quando exigido.

Portanto quando precisamos tomar uma decisão a primeira camada é da emoção. Só atingimos a camada da razão se dermos chance e dosarmos as emoções.

Diferença entre Tomar e Construir Decisões

Seguindo nosso manual de funcionamento, somos impelidos a tomar decisões, e precisamos tomar várias a todo momento, usando o sistema protagonista: emoções, instinto, repetição,  reflexo e sobrevivência.

O problema começa porque a maioria das nossas decisões são corriqueiras e o sistema 1 dá conta. Só que quando surgem decisões mais importantes e de maior impacto a tendência é seguirmos o padrão e deixar o sistema protagonista dominar. Há um desequilíbrio entre o quanto seria necessário acessar o intelecto e o quanto realmente o fazemos. Resultado: não usamos toda nossa capacidade e a decisão em geral não vai ser a melhor que poderia ser.

Construir uma decisão é aprender a usar toda nossa capacidade, equilíbrio entre raciocínio e sentimento. Demanda mais tempo e energia além de muito autoconhecimento e diálogo. Mais sem dúvida vai ser a melhor decisão possível.

Nossa cultura é muito binária, sim ou não, vou ou não vou, compro ou alugo, gostei ou não gostei, gasto agora ou deixo pro futuro, etc. Formamos uma ansiedade sobrecarregada que ao mesmo tempo menospreza a importância das decisões. Ouvimos e valorizamos muito que temos que tomar decisões rápidas e certeiras. Mas não aprendemos a fazer isso nem a entendermos esse mecanismo.

Como tudo isso influencia no seu Dinheiro?

Eu desenvolvo com meus clientes que dinheiro é um vetor que materializa o que quer da sua vida. Oras então o resultado do que você faz com seu dinheiro vai ser proporcional à qualidade das suas tomadas de decisão.

Fiz um checklist para ficar bem didático e mostrar a importância que temos que dar a esse assunto. Você pode pensar: nossa, que complexo, quanta coisa! Lembra do que falamos? O cérebro procura primeiro pelo mais fácil. Mas a vida não é assim, não está nem aí se você quer ou não evoluir, ela te obriga. Então tá na hora de mudar e usar todo nosso potencial. Garanto e vejo na prática que se você se dispuser vai ficar cada vez mais compreensível, fácil e os resultados vão te animar a seguir esse caminho.

Checklist Básico do Planejamento de Vida:

Seja o mais sincero possível, afinal a vida é sua. Reflita sobre cada item. Veja quais itens você precisa melhorar para que o dinheiro renda o melhor para sua vida. Você percebeu o quanto deveríamos construir antes de tomar uma decisão sobre dinheiro? Por isso eu fico muito triste com a nossa cultura que resume suas decisões, e sua falta de planejamento, às famosas perguntas: “Me dá uma dica de investimento?”, “Onde tá rendendo mais agora?

O dilema de juntar dinheiro. Guardar dinheiro para depois é um exercício de equilíbrio da emoção em suas escolhas. Para realizar isso você terá que escolher não gastar agora e isso vai quase te fazer parecer um anti social, afinal “você só vive uma vez”, “certas coisas não tem preço”, “eu mereço”, já escutou isso né? Se eu der ouvidos só a meu emocional vou achar chato fazer essa história de juntar pra depois, afinal o prazer é mais atrativo no momento. Um grande exemplo na prática é questão da aposentadoria. Tudo isso pode se tornar uma grande armadilha para seu dinheiro e sua vida.

Um efeito prático: a questão do Orçamento. Muita gente pergunta e outros até reclamam da necessidade de controle. Eu sempre explico que ele é necessário para saber para onde vai seu dinheiro e daí poder construir boas decisões financeiras. Mas sozinho não vai resolver. Controle é regido pelo sistema 2 e ele não consegue tomar conta o tempo todo. Portanto é recomendável entender que o controle faz parte de algo maior chamado planejamento, ter apoio externo para nos ajudar nesse processo e não desistir de termos um orçamento que nos dê boas informações.

Clareza

Não só para tomadas de decisão sobre dinheiro mas para qualquer coisa, clareza é o necessário rumo à uma vida melhor agora e no futuro. Mas não é tão simples assim de obter. Existem assuntos que todos nós somos obrigados a lidar como dinheiro, saúde, educação, política. Aí podem surgir mais problemas. Por exemplo: se estiver com gripe, experimente perguntar a 5 pessoas do seu círculo o que fazer para melhorar. A probabilidade de receber 5 respostas diferentes, com garantia de melhora, é grande. E se fizer o mesmo com dinheiro?

Problemas que podem surgir ao ir em busca de clareza:

  • Conflito de Interesses: no mercado temos que ter cuidado pois se o vendedor quer te vender algo ele vai dizer que o dele é o melhor para você. Que te conhece muito bem. Mas o interesse real não é em você e sim na venda.
  • Nível de Consciência: cada um só vai falar o que acredita que sabe, o que consegue enxergar através de seu prisma. Por isso devemos falar com pessoas com conhecimento e consciência maior e buscar aumentar nosso prisma para poder avaliar se elas realmente têm esse nível maior.
  • Não entender nossa mente: ela pode ser aliada ou se tornar um adversário. Ela é um adversário quando a emoção do prazer imediato pode nos prejudicar lá na frente. Criar muita expectativa ilusória para satisfazer o ego e acalmar o inconsciente por não estar realmente fazendo nada de concreto para melhorar. E uma baita aliada quando permitimos ter criatividade, aprendizado e filtro positivo para emoções.
  • Frustração: constatei que venho fazendo errado e enxerguei meus defeitos. Aí vem ela e bate de frente. Qual é a ação? Escolher como quer olhar para este presente que é ter clareza: oportunidade ou obrigação? Aprender pelo amor ou pela dor? Em geral as pessoas só tomam atitude, são forçadas a uma decisão, quando a coisa fica feia. Aí é a vida dando um empurrão, forçando a sair da sua comodidade, porque ela não perdoa, ela te lembra da regra “a única certeza é….”

Vontade, Disposição e Força

  • Vontade de melhorar, ampliar sua cultura, questionar padrões.
  • Disposição para sair da inércia, fazer diferente, agir melhor em suas decisões.
  • Força para nos manter em movimento, ajudar na nossa resiliência e na capacidade de aprender.

Quando falamos de dinheiro e sua influência nas decisões para sua vida, corremos o risco de cair no comum, no corriqueiro, já que certo ou errado somos obrigados a tratar desse assunto. E às vezes precisamos de uns choques para mudar e agir. Pensando nisso eu tive contato com a pesquisa que formou o Efeito Dunning-Kruger:

“Indivíduos que possuem pouco conhecimento sobre um assunto acreditam saber mais que outros mais bem preparados. Sua incompetência que os restringe da habilidade de reconhecer os próprios erros. Estas pessoas sofrem de superioridade ilusória.”

É uma pesquisa que constata um comportamento. Também um tapa na cara mas para o bem, lembra que mencionei coragem e humildade? Fala de como precisamos nos conhecer para nossas decisões serem as melhores. Em geral quanto maior a autoconfiança maior a probabilidade de não pensarmos direito. Isso pode trazer efeitos negativos para nosso dinheiro e nossa vida.

Fique Bem de Vida !!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: